Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Up

Luana Piovani

A atriz não só mostrou que tem talento, mas também que não tem medo de expor suas opiniões. Conheça mais sobre esta grande e bela atriz.

29/08/1976
... continue lendo

Sinceridade até na infância

Luana Piovani

É, sou bem sincera, verdadeira demais. Mas não nesse ponto. Sempre fui indagadora. Se eu não entendia, queria que me explicassem. Os meninos no colégio, naquela idade que menino e menina se odeiam, sempre atrapalhavam nossa brincadeira. As meninas tinham medo, mas eu nunca tive medo de enfrentar.

Ser mãe

Luana Piovani

Ah, melhorei muito. Não sei se é bom ou se é ruim. Mas sou muito mais segura do que já era. Mudei minhas prioridades. O que me incomodava antes, hoje não me incomoda mais. E isso é um alívio.

Teatro

Luana Piovani

Acho sagrada a troca entre a plateia e o artista. Essa dedicação do artista em prol de um público que em troca escolhe passar um tempo de vida escutando aquele artista é muito especial. Tenho uma relação frequente com cinema e televisão, mas é o palco que me move. Eu jamais vou deixar de fazer teatro.

Regras

Luana Piovani

Não. Acho que nunca li um manual na vida. Tenho horror a manual, cartilha. Mas amo regras, sou virginiana. O mundo funciona graças às regras. Eu gosto de limite, trabalho com o combinado. Não pode, eu não faço. Aqui no Brasil tem muita regra e ninguém obedece nenhuma. Brasil é o samba do crioulo doido, é uma grande feijoada. Mas eu gosto de ter regras.

Mulher de opinião

Luana Piovani

Eu nasci assim. Se eu fosse uma pessoa racional, que pensa do ponto de vista comercial, não daria entrevistas sendo como eu sou. Eu não sei dar entrevista e não falar o que penso. E aí o circo é montado. Mas acho que se estão me perguntando, tenho o direito de dizer. Deixo claro que o que eu digo não é a capa do jornal. É a minha opinião, é como eu penso. E sigo na minha vida. Só isso!

Escolhas

Luana Piovani

Eu nunca escolhi o caminho mais fácil. Desde o começo. Mas é o caminho que me traz uma relação sincera comigo. Senão eu já teria tido um câncer de não ser sincera, de fazer o que gostariam que eu fizesse. A sociedade cria personagens e quer te vestir daquela forma, querem que você funcione como a música que eles tocam. Isso não existe. Não me venham com cartilha.

História amorosa

Luana Piovani

Minha história foi muito bem escrita. Não me arrependo nem das partes ruins, aprendi muito, evoluí. Tem um poema do Vinicius de Moraes que é mais ou menos assim: “Eu fui passado de mão em mão por todas as mulheres que tive. E todas elas cuspiam no meu rosto e vociferavam, enquanto me passavam de mão em mão, até que eu chegasse a você”. É a coisa mais bonita para uma coisa que a gente pensa de maneira ruim. Quanto que já rodamos até chegar à pessoa que escolhemos? É essa sensação que tenho, fui passada de mão em mão, com eles me cuspindo na grinalda, mas me enfeitando. É bom demais saber que agora é pra sempre.

Morar lá fora

Luana Piovani

O ser humano quando tem oportunidade opta por ser bom. Eu não me conformo com os custos daqui. A gente paga bilhões em impostos e paga tudo de novo: médico, escola, segurança. É muito mais barato morar lá fora.

Nível de maturidade

Luana Piovani

Eu falo o que penso há anos, muito antes de existir Orkut ou Instagram, sobre coisas que acho erradas ou que considerava um abuso. Sempre fiz esse serviço. Eu sou bem precoce. Aos 17 anos, eu falava com inflamação. Agora, aos 39, falo com outro nível de maturidade.

Mídias sociais

Luana Piovani

Vejo a relevância, pois percebo como o dinheiro gira ali. As blogueiras estão milionárias… Mas acho uma bobagem. A televisão e os jornais ainda me parecem os canais dispostos a levar informação séria ao cidadão que se diz sério.

Escolha de nomes

Luana Piovani

A Liz me traz uma coisa de luz. E gosto de como se escreve, é muito harmônico o l e o z. Um faz a volta para cima e outro para baixo. E o Bem a gente queria algo curto e que tivesse essa coisa amorosa que o Dom tem.

Plateia

Luana Piovani

Eu quero formar plateia, eu quero que as pessoas saibam e sintam que teatro e arte não são só entretenimento, é comportamento. Você enxerga o ser humano ali, você vê as fases da humanidade, a evolução toda e, é para isso que estamos aqui, para evoluir e para trocar.

Momento feliz

Luana Piovani

Eu estou no momento mais feliz, porque são grandes realizações. Eu olho para trás e fico muito feliz com o que eu construí, de carreira, das escolhas que eu fiz, inclusive de todos os tombos que levei, porque são eles que me fizeram crescer, me fizeram escolher melhor.

Casamento com Pedro Scooby

Luana Piovani

Se escolher todo dia. Todo dia eu olho pra ele e vejo o quanto ele me faz bem, as qualidades dele, como os defeitos dele são singelos, como ele suporta os meus defeitos, todo dia eu reescolho, e eu acho isso maravilhoso.

Filhos

Luana Piovani

Eu imagino que, agora, não teremos mais gestação. Acho que podemos finalizar, sabe? Teremos três filhos e para o momento está bom.

Sensualidade

Luana Piovani

Acho legal ser sensual. Como a Luiza Brunet. Ela tem um cabelão que bate no vento, um sorriso aberto, dá gargalhada, ri com volume, é uma mulher bem resolvida, fala o que pensa, usa biquíni grande. Sou um pouco assim. Desculpe-me, na minha opinião, uma mulher de fio-dental não vai ser sensual.

Gravidez

Luana Piovani

Não me sinto bonita durante a gravidez. Eu me sinto meio santa, meio imaculada [por gerar uma vida], o que eu acho que não combina muito com a beleza. Acho que a beleza tem um lado mais diabólico.

Felicidade

Luana Piovani

Jamais deixaria algo tão baixo estragar a felicidade e plenitude que meu Dom me trouxe. Agradeço a minha fé e minha análise por tudo.

(Luana após fotos de seu filho serem divulgadas sem a sua autorização).

Vontades

Luana Piovani

Eu tenho muita vontade de fazer um filme cabeça, já que eu normalmente faço filmes mais comerciais. Eu também tenho vontade de fazer um clássico no teatro, de um grande autor, o que eu ainda não fiz. Também tenho muita vontade de fazer uma personagem nordestina em uma novela, talvez com um pouco de comédia, sabe? Enfim, ainda falta é coisa para fazer.

Angelina Jolie

Luana Piovani

Eu acho que a Angelina é uma mulher muito consciente e sábia. Ela tem avó, mãe e tia que já faleceram de câncer. Já tinha feito um estudo de sangue. Já teve seis filhos e quer conhecer os netos. Eu faria o mesmo no lugar dela.

Coisas do capitalismo

Luana Piovani

Esses rótulos são coisas do capitalismo. Uma hora você é a “mais sexy”. Outra hora você é a “polêmica”, “a mãe do ano”. Tudo faixa para vender produto. O que vale é a minha consciência. Saber que sou uma boa mãe, saber que sou fiel aos meus princípios, que a educação que meus pais me deram foi coerente, que me tornei uma cidadã exemplar.

Engraçado

Luana Piovani

Acho sexy mulher sentada no vaso. Agora, engraçado é entender que a fantasia é essa de ver musa pelada. Melhor posar logo.

(Sobre o vazamento das fotos de Carolina Dieckmann).

Sair do ar

Luana Piovani

Esse programa tinha que sair do ar. E não vem falar de censura, pois o que eles fazem não é jornalismo não, é desrespeito.

(Sobre o programa Pânico na TV).

Posar

Luana Piovani

Eu não me acho o máximo. Se eu me achasse, estaria na capa da Playboy, da Sexy. Porque é assim que as modelos de capa dessas revistas pensam... passam a vida sonhando em posar.