Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Up

Siga-nos

Tarcísio Meira

O prêmio conquistado no teatro amador, quando adolescente, foi o combustível para que Tarcísio construísse sua carreira como um dos mais conhecidos rostos da teledramaturgia brasileira. Marcou as TVs Tupi, Excelsior e agora a Globo; tantas histórias renderam essas frases.

05/10/1935
continue lendo
Compartilhar

Velhice

Tarcísio Meira

Quando fiz 50 anos de casado com a minha mulher, aconteceu a mesma coisa, as pessoas falavam do tempo, mas eu não sentia. Não sei bem o que é ter 80 anos. Meus pais morreram com mais de 80 e eu os achava velhos. Meu filho deve me achar assim. Sou velho, mas não me sinto idoso. Evidentemente tenho algumas limitações físicas, intelectuais, talvez, mas não me incomodam. Algumas coisas eu gostaria de fazer e não posso, tipo uma meia maratona, coisas de grande desgaste físico. Ainda ando a cavalo, mas não montaria por muito tempo mais. Mas não sinto um peso.

Cansado?

Tarcísio Meira

Nunca me cansei da minha carreira, só sinto o cansaço físico. Esse espetáculo [O Camareiro] traz um desgaste grande, pelo ritmo, pela trajetória do personagem. Ao mesmo tempo é muito gratificante, me estimula, me desafia e me recompensa.

Desassossego que vem com a fama

Tarcísio Meira

Às vezes, e somente às vezes, a gente quer um pouco de solidão, um recolhimento. Nem sempre isso é possível. O único lugar que tive a chance de me sentar em uma sarjeta com a Glória e ficar observando as pessoas foi na Rússia. Foi uma sensação muito gostosa poder observar, sem ser observado. Talvez, por isso, eu goste tanto do campo, de ir para o mato. Permite um contato com meus "eus" mais primitivos. Acho importante nos afastarmos de uma experiência racional e possibilitarmos algo mais sensorial. Aguçar os ouvidos e escutar as folhas se batendo. Estar próximo de si próprio. Ali, longe de tudo, me reequilibro.

Somos simples

Tarcísio Meira

Não queremos [ele e a mulher, Glória Menezes] ser exemplo para ninguém. Simplesmente aconteceu. Eu gosto da minha mulher, ela gosta de mim. Ponto final. Não há nada demais. Não há nada que nos diferencie das demais pessoas. Somos pessoas comuns, muito simples. Talvez, as pessoas sejam muito carinhosas conosco porque nos conhecem desde que nasceram. Uma vida inteira nos vendo. Acompanham nossas carreiras, nossos personagens. E somos muito gratos pelo carinho. Como dizem, “ninguém busca o fracasso. Todos buscamos o sucesso”. E o sucesso é esse retorno. É o que legitima nosso trabalho.

Sucesso

Tarcísio Meira

Eu fico muito feliz de ser chamado para coisas interessantes mesmo passando dos 70 anos. Tive a oportunidade de viver intensamente todas as fases da minha carreira.

Como fazer o casamento durar?

Tarcísio Meira

Todo mundo deseja ter um bom casamento, mas ele durar é um fato circunstancial. Tem muita força para fazer durar um casamento. Acredito que isso é fruto de sermos pessoas casadas, que se amam de verdade. E que não saibam viver um sem o outro. Eu não sei viver sem minha mulher. Nem imagino isso. Eu vou morrer antes da minha mulher. Fomos ao médico e ele disse: `A Glória só matando a tiros´. Ela é realmente uma ventoinha. Então, eu não vou sofrer a ausência dela. Eu vou sofrer a minha ausência desde logo, desde hoje.
Se houvesse segredo para um casamento duradouro, certamente a gente ganharia muito dinheiro.

 

Recusar papéis

Tarcísio Meira

Nunca recusei trabalho. Acho que, se todo papel for encarado com prazer, com uma forte vontade de desvendá-lo, ele pode ser bom. A questão é trabalhar o personagem, ver o que há por trás das palavras ditas por ele, dos caminhos que ele percorre. Talvez tenha recusado por impossibilidade de agenda, não porque não tenha gostado.

Colecionei amigos

Tarcísio Meira

Sabe, ao longo da minha vida inteira, eu colecionei muitos amigos e amigas. Porque fiz personagens que foram importantes paras as pessoas, dos quais elas sentem saudade. Homens e mulheres têm saudade. Então, eu tenho muitos amigos. Eu me sinto muito feliz com isso. Muito agradecido.

Teatro na televisão

Tarcísio Meira

O ator tem que saber lidar com uma câmera, tem que saber onde está a câmera, onde está o público. Não é um reality show, nós fazemos teatro na televisão. Pelo menos eu pretendo fazer teatro na televisão. E faço para o público.

fechar