Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Up

Siga-nos

Livros de Joaquim Manuel de Macedo

O grande, jornalista, escritor, poeta e político, Joaquim Manuel Macedo, fez grandes contribuições para a literatura brasileira através de seus livros. Se aliou ao romantismo e então publicou sua principal obra "a moreninha". Além desse, outros diversos livros e rimas do autor ficaram famosos.

24/06/1820 11/04/1882
continue lendo
Compartilhar

O Primo da Califórnia

Joaquim Manuel de Macedo

Ler livro

"O Primo da Califórnia" é uma ópera em dois atos escrita por Joaquim Manuel de Macedo. Foi à cena na abertura do Ginásio Dramático, no dia 12 de abril de 1855. A peça gira em torna da história de um músico pobre e cheio de dívidas que conquista o sucesso profissional a partir de uma mentira publicada no jornal por seus amigos. Passa-se no Rio de Janeiro.

Os Dois Amores

Joaquim Manuel de Macedo

Ler livro

O romance "Os Dois Amores", escrito por Joaquim Manuel de Macedo em 1848, traz a tona a temática sobre o cultivo pela maternidade. Cândido, personagem apresentado como herói no romance, ama a mãe, a qual nunca viu e sequer sabe se existe. Por sofrer a falta do amor materno, nos é apresentado como um homem infeliz, que amava a ideia da mãe sobre todas as coisas em sua vida.

Remissão de Pecados

Joaquim Manuel de Macedo

Ler livro

"Remissão de Pecados" é uma comédia de cinco atos, escrita por Joaquim Manuel de Macedo. Apesar do título "comédia", é uma peça teatral dramática que envolve paixões fortes e situações violentas. Adriano acaba no jogo com toda a fortuna pertencente à sua esposa, uma mulher que pode ser considerada um anjo e que sempre acaba sendo esquecida pelo marido, por conta de uma outra mulher que lhe causa uma louca paixão.

Uma Pupila Rica

Joaquim Manuel de Macedo

Ler livro

"Uma Pupila Rica", escrita por Joaquim Manuel de Macedo em 1840, entitula-se comédia, mas é, na verdade, um drama, em 5 atos, sobre as tentativas de um tutor de apoderar-se da herança de sua protegida. Ele a casa com seu filho, mantendo a fortuna na família e assim evitando a falência. Mas o amor vai interferir nessa trama e atrapalhar o casamento por interesse.

 

As Mulheres de Mantilha

Joaquim Manuel de Macedo

Ler livro

"As Mulheres de Mantilha" é um romance histórico do ano de 1870, escrito por Joaquim Manuel de Macedo e pode ser considerado o retrato do Rio de Janeiro quando se tornou a capital do Brasil. Já na introdução, o autor fala sobre os quatro anos de aflição vividos pelos habitantes da cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro, causada pelos mandos e desmandos do novo vice-rei Antônio Álvares da Cunha, conde da Cunha, o qual governou despoticamente com extorsões, atentados contra a liberdade, imposição de trabalho escravo nas obras públicas etc. Ele também trata sobre o tema do homossexualismo que, se o autor quisesse, poderia chocar os leitores da época.

As Vítimas-Algozes

Joaquim Manuel de Macedo

Ler livro

Pertencente ao Romantismo, "As Vítimas-Algozes" de Joaquim Manuel de Macedo foi escrito na segunda metade do século XIX, em 1869, 19 anos antes da Abolição da Escravidão. Por ser, ao seu modo, um romance abolicionista, não agradou ao público da época, o que lhe rendeu inúmeras críticas da imprensa.

Luxo e Vaidade

Joaquim Manuel de Macedo

Ler livro

Comédia original em cinco atos, "Luxo e Vaidade", escrita por Joaquim Manuel de Macedo, foi representada pela primeira vez no dia 23 de setembro de 1860, no Teatro Ginásio, pela Companhia Dramática Nacional. A peça se passa na cidade do Rio de Janeiro, na época em que foi representada.

Memórias da Rua do Ouvidor

Joaquim Manuel de Macedo

Ler livro

Na obra "Memórias da Rua do Ouvidor", Joaquim Manuel de Macedo mostra que sabe fazer muito bem o seu papel de historiador e conta com detalhes os fatos históricos (comprovando com documentos) da talvez mais famosa rua da segunda metade do século XIX. Nos conta desde a criação da rua (quando era apenas um desvio), passa por descrições no tempo de D. João VI até chegar à Rua do Ouvidor de seu século.

O Moço Loiro

Joaquim Manuel de Macedo

Ler livro

"O Moço Loiro" é um retrato da sociedade burguesa da antiga capital federal do século XIX. Escrito por Joaquim Manuel de Macedo e lançado em 1845, é um romance urbano sobre o amor idealizado, que vem representado nas personagens Honorina e no moço loiro, do qual a identidade só vem a ser desvendada no final do livro.

fechar