Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Up

Mensagens Dia do Nordestino

Comemore o Dia do Nordestino em grande estilo, enviando mensagens carinhosas e saudosistas para todos os nordestinos!

Exaltação ao Nordeste

Luiz Gonzaga de Moura

Eita, Nordeste da peste,
Mesmo com toda sêca
Abandono e solidão,
Talvez pouca gente perceba
Que teu mapa aproximado
Tem forma de coração.
E se dizem que temos pobreza
E atribuem à natureza,
Contra isso,eu digo não.
Na verdade temos fartura
Do petróleo ao algodão.
Isso prova que temos riqueza
Embaixo e em cima do chão.
Procure por aí a fora
"Cabra" que acorda antes da aurora
E da enxada lança mão.
Procure mulher com dez filhos
Que quando a palma não alimenta
Bebem leite de jumenta
E nenhum dá pra ladrão
Procure por aí a fora
Quem melhor que a gente canta,
Quem melhor que a gente dança
Xote, xaxado e baião.
Procure no mundo uma cidade
Com a beleza e a claridade
Do luar do meu sertão.

Tradução

Thays Ribeiro

Se fosse possível, traduziria a palavra Nordeste em uma só palavra. Não dá. Nordeste tem tantos significados que não caberia em um pequeno espaço de dicionário. Nordeste é, em partes, povo sofrido, sim. Mas sofrido e vencedor. Aprendeu com a luta, com a batalha a ser um grande ganhador. Sofreu, caiu, levantou a cabeça e seguiu. Nordeste, pátria de um povo de valor. Pessoas que amam sua terra, e não se importam com as meras palavras de outros 'abestados’’ sem teor intelectual. Ser nordestino não é vergonha, nem é crime. Ser nordestino é orgulho. Orgulho para um povo sem poucos estímulos, mas muita força de vontade. Quem nasce no Nordeste é ‘’arretado’’, sim. Se escolher eu puder, nasço, novamente, aqui. Terra de grandes talentos, de Jorge Amado, até Rachel de Queirós. Cultura elevada ao céu. Tente entender, se for capaz, com uma leitura de cordel. Não perca seu tempo tentando nos ofender. Somos orgulhosos por nossas terras, e não temos com o que nos ofender. Olhe para si, e veja quanta bobagem iria difamar. Deixe de ignorância, e um dia, quem sabe, venha nos visitar. Só peço que não se impressione, quando sua forma de julgar o Nordeste mudar.

Soneto da Autenticidade

Expoente muito mais do que digno
Da alma e da autêntica cultura nordestina.
Autor duma obra que traz um brio condigno
Expresso em livros e no abrir das cortinas.

Professor... Escritor... Igualou-se aos gênios
E fez da aula, um nobre espetáculo
Multiplicando o valor de cada vocábulo
Como se todos tivessem algum irmão gêmeo.

De vigorosa identidade e analogia cultural
Porque Mateus, todavia preferiu os seus
Tal qual na história do Movimento Armorial.

Notável dramaturgo, mundialmente paraibano
Que o Nordeste há tempos vem atiçando
E o Brasil reverencia como Mestre Ariano.

Seca do Nordeste

Fagner

Ô sol! sol escaldante
Terra poeirenta
Dias e dias, meses e m e s e s sem chover
E o pobre lavrador com a ferramenta rude
Bate forte no solo duro

Em cada pancada parece gemer
Hum, hum, hum, hum, hum, hum, hum
Geme a terra de dor ó ó ó ô
Não adianta o meu lamento meu senhor
Ó ó ó ô e a chuva não vem
Chão continua seco e poeirento
No auge do desespero uns se revoltam contra deus
Outros rezam com fervor
Nosso gado está sedento meu senhor
Nos livrai dessa desgraça
O céu escurece
As nuvens parecem grandes rolos de fumaça
Chove no coração do brasil
E o lavrador retira o seu chapéu
E olhando o firmamento
Suas lágrimas se unem
Com as dádivas do céu
O gado muge de alegria
Parece entoar uma linda melodia