Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Up

Os melhores destinos em São Paulo

São Paulo nunca para e tem muito a oferecer para todos os gostos, grupos e faixas etárias. Quer agito? Tem! Quer cultura? Tem! História? Música? Arte? Balada? Jardins? Museus? Tem tudo isso e muito mais! Descubra os melhores destinos em São Paulo e crie o melhor roteiro pra você se divertir e aproveitar o melhor dessa cidade. São Paulo pode ser assustadora à primeira vista, mas, com um olhar mais aberto e mais atento, é possível descobrir e viver maravilhas nessa cidade imensa da Terra da Garoa! Não se esqueça de trazer um casaquinho, um guarda-chuva e muita disposição! Com certeza você vai se apaixonar pelas maravilhas de SP!

... continue lendo

Passeio na Paulista

Avenida Paulista fechada para carros. Muitas pessoas caminham e andam de bicicleta.

Pode parecer clichê e ser difícil de explicar para quem não é paulistano, mas um passeio na Avenida Paulista é um tipo de programa indispensável em São Paulo. Trata-se da avenida mais emblemática da capital, repleta de centros de compras, centros culturais, cultura de rua, bares, além de ser palco do clássico cartão-postal da cidade. Para além da própria Avenida Paulista, que deve ser percorrida a pé para maior proveito, ela é o endereço de outros pontos turísticos interessantíssimos. Aos domingos, a avenida é fechada para os carros e totalmente aberta para as pessoas, e se transforma num diferente parque urbano.

Descubra as 10 melhores músicas sobre São Paulo

MASP

Fachada do Museu de Arte de São Paulo.

Um dos grandes cartões-postais de São Paulo, o Museu de Arte de São Paulo (MASP) é um destino importantíssimo na cidade. O MASP foi inaugurado em 1947 é dotado de um acervo próprio que contém produções artísticas que percorrem mais de dois séculos e conta com obras de grandes nomes mundiais, como Renoir, Monet, Van Gogh, Manet, Velázquez, Goya, entre outros. Além do acervo permanente, o Museu costuma receber importantes exposições. Do lado externo, é possível contemplar o maior vão livre da América Latina, além de uma bela vista da cidade de São Paulo. O MASP fica na Avenida Paulista, 1.578, e o ingresso varia de R$ 20,00 a R$ 40,00, mas às terças-feiras a entrada é gratuita.

Aprenda gírias paulistanas

Casa das Rosas

Fachada da Casa das Rosas

Também na Avenida Paulista, mas bem no comecinho (no nº 37), está a Casa das Rosas. Visitar o local é fazer uma viagem no tempo e vislumbrar as grandes transformações pelas quais a cidade passou ao longo do século XX. O casarão, preservado juntamente com o belíssimo jardim que lhe confere o título, era de fato utilizado como residência dos herdeiros de Ramos de Azevedo. No local, hoje, funciona um centro cultural, mas a casa fica aberta para exposição, e nos andares superiores é possível visitar inclusive os banheiros tradicionais. A entrada é gratuita, e só são permitidas fotos do jardim e exterior da casa. Para fotos da parte interna ou que peguem a estrutura do prédio, é preciso autorização prévia.

Museu de Zoologia da USP

Sala do Museu de Zoologia da USP. Mesa grande com dez cadeiras e miniaturas de dinossauros em cima. Ao fundo, uma prateleira com diversas miniaturas de animais.

Algo que não é muito lembrado pelos moradores e visitantes de São Paulo é que a cidade conta com museus muito interessantes. O Museu de Zoologia da USP é um desses. Com um belo acervo, oferece informações sobre diversos tipos de animais, e é possível, inclusive, agendar visita monitorada. O Museu de Zoologia fica na Avenida Nazaré, 481, no Ipiranga. Temporariamente, a visitação é gratuita.

Mirante do Edifício Itália

Vista aerea do Edifício Itália.

Se a cidade de São Paulo, por si só, impressiona, vê-la do alto, num verdadeiro panorama da sua imensidão, é de tirar o fôlego. Um dos mirantes mais famosos e que oferece essa vista em 360° é o do Edifício Itália. Edifício, aliás, que é um marco arquitetônico importante da cidade. O mirante fica no alto do Edifício Itália, localizado na Avenida Ipiranga, 344, no centro da cidade. A visita gratuita é possível das 15h às 16h, de segunda a sexta. Em outros dias e horários, é preciso ver a programação do bar e do restaurante situados no local.

Leia ótimas frases sobre São Paulo

Feirinhas

Rua movimentada, com barracas de venda do lado direito, e prédios do lado esquerdo. Muitas pessoas na rua e nas barracas.

Quem visita São Paulo com um pouco mais de tempo, ou até mesmo moradores que desejem uma tarde diferente, pode gostar de conhecer as feirinhas de artesanato da cidade. As três mais famosas são as da Praça da República, da Benedito Calixto e da Liberdade. Nelas, concentram-se artesãos e artistas com as mais diferentes aptidões, oferecendo serviços e produtos belíssimos e diferentes. As Feiras da República e da Liberdade acontecem aos sábados e domingos, e ficam nas saídas do metrô República e Liberdade. A da Benedito Calixto acontece na Praça Benedito Calixto, 158/162, em Pinheiros. A visitação é livre e gratuita para todas elas.

Conheça a Bienal Internacional do Livro de São Paulo

Jardim Botânico

Duas estufas e diversos arbustos cercados por árvores no Jardim Botânico.

Parte de um complexo de proteção ambiental, e centro de estudos na área de Botânica e Micologia (fungos) de referência mundial, o Jardim Botânico propicia um passeio belíssimo, tranquilo e agradável dentro da cidade de São Paulo. Não é permitido o uso de bicicletas, patins, skates, nem realização de churrascos ou jogos de bola, o que o transforma no local perfeito para um dia tranquilo. O Jardim Botânico conta com pequenas trilhas, belas paisagens e também herbário em exposição. Há cobrança de ingresso para entrar no parque, no valor de R$ 10,00 (idosos, estudantes e professores pagam meia). O Jardim Botânico fica na Zona Sul da Cidade, na Avenida Miguel Stéfano, 3.031, Água Funda.

 

Serra da Cantareira

Vista do lago e vegetação do Parque Estadual da Cantareira.

Quem acha que em São Paulo só tem construção e concreto para ver, muito se engana. Na Zona Norte da cidade, na região da Serra da Cantareira, também é possível se perder em meio à natureza. Na região, há vários destinos interessantes. O destaque vai para o Parque da Cantareira, em especial o Núcleo do Engordador, onde é possível fazer trilhas e deparar-se inclusive com uma pequena cachoeira. Esse paraíso fica na Avenida Coronel Sezefredo Fagundes (altura do nº 19.100), no Jardim Cachoeira. Para entrar no parque, deve-se pagar uma taxa de R$ 15,00 (inteira). Fique atento ao horário de funcionamento: das 8h às 17h, aos sábados, domingos e feriados.

Aproveite estes lugares românticos de São Paulo

Pinacoteca

Fachada da Pinacoteca do Estado de São Paulo, e um chafariz que fica em frente.

São Paulo tem uma grande variedade de museus e espaços de exposição e ação cultural espalhados pela cidade. Dentre eles, está a Pinacoteca do Estado de São Paulo, chamada carinhosamente pelos paulistanos apenas de Pinacoteca. O prédio fica contíguo ao Parque da Luz e em frente à Estação da Luz, uma majestosa construção do século XIX, inaugurada no raiar do século XX. A Pinacoteca, por sua vez, ocupa hoje o prédio inaugurado em 1905 que abrigava Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo, e tem um grande acervo de quadros importantíssimos da história da arte brasileira. A Pinacoteca fica na Praça da Luz, e o acesso é gratuito aos sábados (R$ 10,00 nos outros dias da semana).

Praça Roosevelt

Vista da Praça Roosevelt vazia em um dia ensolarado.

Quer conhecer um espaço onde se respira arte, cultura e boemia? Locais assim não faltam em São Paulo, mas um é especial: a Praça Roosevelt. Ao lado da Igreja da Consolação – que também merece uma visita, já que é um marco histórico, religioso e arquitetônico da cidade –, a Praça Roosevelt congrega importantes teatros de resistência da cidade, é repleta de pequenos bares de público cativo, além de a própria praça em si ser um ponto de conversa e descontração. Antes de ir, é importante verificar se o teatro ou bar onde pretende consumir aceita cartão. Endereço: Praça Roosevelt, Centro. Perto das estações de metrô República e Anhangabaú.

Leia depoimentos de amor de paulistas

Theatro Municipal de São Paulo

Fachada do Teatro Municipal de São Paulo, com céu ainda claro e luzes acesas.

Outro grande cartão-postal da cidade, o Theatro Municipal de São Paulo é destino imperdível, mesmo que seja apenas para conhecer suas instalações. Para começar, o próprio entorno já é um local turístico. Localizado próximo ao Viaduto do Chá e em frente ao antigo prédio da Light (companhia de energia elétrica) de São Paulo, hoje um shopping, tem na sua lateral um conservado jardim com esculturas belíssimas. O Theatro Municipal foi inaugurado em 1911, e em 1922 foi o palco da Semana de Arte Moderna, evento de enorme importância para a arte brasileira, para dizer o mínimo. O teatro fica na Praça Ramos de Azevedo, s/n, no centro da cidade, e conta com programação – ópera e música clássica – ativa. Também é possível realizar visita guiada gratuita, bastando comparecer 1 hora antes dos horários estipulados.

Envie uma dessas frases para um paulista

Catedral da Sé

Fachada da Catedral da Sé.

Visitar a Catedral da Sé – que tem quase 500 anos de história – é percorrer a biografia de São Paulo. Uma das primeiras igrejas erguidas em São Paulo (em 1591), passou, ao longo dos séculos, por projetos arquitetônicos e demoradas obras. Atualmente, pode ser vista em toda a sua grandiosidade arquitetônica. O estilo é neogótico, mas a Catedral congrega vários estilos e épocas. Em seu interior, além dos vitrais e das colunas, também pode ser visto o imponente órgão. Sob o altar, encontra-se a cripta, que tem horário de visitação próprio e nem sempre se encontra aberta. Nela, está sepultado o Cacique Tibiriçá, primeiro índio convertido na cidade, além de outros religiosos. A Catedral da Sé fica na Praça da Sé, s/n, ao lado da estação Sé do Metrô. Não há cobrança de taxa para visitar a igreja.