Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Up

Um amor egoísta

Relacionamentos precisam ser baseados em sentimentos generosos, que espalhem simplicidade e sinceridade. Amores egoístas não têm espaço no campo da paixão. Pule fora de relacionamentos que te fazem sofrer, pois com certeza você poderá encontrar algo melhor!

... continue lendo

A descoberta do amor egoísta

Uma das piores relações que podemos viver é um amor egoísta. Normalmente, quando entramos nesse tipo de relação não sabemos onde estamos nos metendo, não vemos o mal que pode nos fazer e o pior, não acreditamos que aquela pessoa nos faz mal. Descobrir o amor egoísta é um choque, é duro, mas é real. Fique de olho para não entrar numa relação deste tipo.

Um amor egoísta

A pior coisa que pode existir é um amor egoísta. É amar sem ser correspondido, é amar sem o outro devolver. Esse é o tipo de amor que faz doer, doer profundamente. Este tipo de amor só traz coisas ruins e muitas vezes quem está apaixonado não vê o mal que está fazendo a si próprio. O amor egoísta é aquele que só pensa em si, que não quer saber de fazer o outro feliz e que não tem consideração. Em outras palavras, não pode ser chamado de amor!

Amor não é para sofrer

De uma vez por todas, o amor não foi feito para sofrer. O amor é para ser feliz, para celebrar, para sorrir. Se esse amor está machucando, trazendo coisas e momentos ruins, comece a repensar se é amor de verdade!

Amar é sofrer?

Não acredite nesta frase chavão e entenda: amar não é sofrer! Amar é estar junto, é gostar da companhia, é querer ver o outro feliz, é estar separado e ainda assim respeitar o outro!

Coragem!

Tenha coragem, coragem para amar o suficiente e mais coragem ainda quando precisar abrir mão desse amor!

Amor não dói!

Se alguém lhe disser que o amor dói, fique atento, essa pessoa pode estar vivendo um amor egoísta. O amor não dói! O amor faz bem, traz felicidade, plenitude e tranquilidade. Se a relação que este alguém está vivendo não possuir estas características, fique atento pois ela pode estar vivendo um amor egoísta!

Desapegue!

Desapegar de um amor unilateral é terrível, afinal, quando amamos acreditamos que a outra pessoa envolvida também nos ama e quer nosso bem. Mas, nem sempre é assim, e quando finalmente abrimos os olhos, a parte mais difícil é desapegar daquilo que achamos que temos. Porém, para sobreviver a este amor é preciso desapegar do que não é real!

Olhe para os lados

Em uma relação, precisamos aprender a olhar o que está acontecendo, se estamos felizes de verdade ou se estamos apenas conformados com o que possuímos. Amar pode ser bem complicado, mas quando passamos a enxergar a relação que vivemos de forma completa, profunda, tudo se torna muito mais simples e descomplicado!

O amor é generoso

O amor não deve ser egoísta, não deve sentir inveja e muito menos ser rude. O amor é sempre generoso, fica feliz com a felicidade do outro!

Não sofra por amor

Você está sofrendo por causa do amor? Comece a pensar que esse amor não é exatamente um amor. Nenhum amor traz sofrimento, dor, ciúme ou egoísmo. O amor de verdade é uma doação, é confiança, é respeito, é companheirismo!

Ame-se primeiro

Em qualquer relação as pessoas devem sempre se colocar em primeira opção. O outro deve ser feliz porque você está feliz e não porque você deseja que ele seja feliz. Nas relações é preciso se amar primeiro, para depois amar o próximo. Não é ter orgulho é saber que você precisa se amar para poder amar o outro!

Minha felicidade

Querer ser feliz é ao mesmo tempo simples e egoísta, afinal, em alguns casos, a minha felicidade depende da infelicidade de alguém. Mas é simples, porque ao ter você em minha vida eu sou feliz!

Aprenda a entender o amor

Para entender o amor e o que sente não é fácil. No entanto, com um pouco de paciência, você conseguirá entender que o amor é bem mais que um sentimento de querer só para si. Você vai ver que o amor pode tudo e permite tudo, não impõe limites e nem amarras. Por isso, observe o amor que você tem e veja se ele está do jeito que deseja!

Não sofra mais

A parte mais difícil quando descobrimos que estamos vivendo um amor egoísta é abrir mão dele. O que mais queremos é lutar para tentarmos ser felizes, mas em muitos casos é melhor desistir e não sofrer mais!